Dicas Para Tornar um Empreendimento Mais Sustentável

05/09/2017 | Kamila Nunes

Dicas Para Tornar um Empreendimento Mais Sustentável

Cada dia mais ouvimos falar em sustentabilidade e preservação do meio ambiente. Antes estes conceitos se restringiam a ambientalistas e especialistas, hoje já passaram a fazer parte da nossa realidade. Isso acontece devido a facilidade de acesso á informação, e também aos primeiros indícios de esgotamento do planeta na capacidade de prover recursos naturais.

A construção civil é responsável pelo consumo de boa parte dos recursos naturais, sejam eles na fase de construção ou na fase de uso das edificações. A fase da construção dura em média um período de 2 anos, mesmo sendo a fase de maior impacto ambiental, o seu uso após a conclusão pode variar em média de 50 á 100 anos. E durante a vida útil desta edificação, ele necessita de recursos naturais para suprir as necessidades do seu uso, tais como energia, água, esgoto, etc.

Apesar das boas construções atuais, a média de idade das construções no Brasil é de no mínimo 25 anos. Ou seja, existem edifícios mais novos e eficientes,mas também uma grande quantidade de edifícios antigos e ineficientes,que foram projetados e construídos em uma época que não existiam conceitos de sustentabilidade. O grande desafio é transformar estas edificações em edifícios mais sustentáveis, visto que eles são um dos grandes responsáveis pelo uso ineficiente de água energia do planeta.

Para torná-los sustentáveis é bem mais complexo do que uma construção nova sustentável. O processo de reabilitação sustentável encontra dificuldades devido ao canteiro de obras restrito, alta quantidade de resíduos, falta de projetos das edificações e reclamações dos vizinhos. Outro fator crítico, é que em algumas edificações, para que seja possível fazer o processo de reabilitação, a edificação não pode estar ocupada. Porém, em outros casos existe a possibilidade de fazer a reabilitação com a edificação em funcionamento. O primeiro passo para tornar um edifício existente sustentável é uma análise minuciosa da situação atual em relação aos requisitos de Alta Qualidade Ambiental (AQUA), que baseiam-se na qualidade do edifício  e na qualidade ambiental das práticas . A qualidade  da edifício demonstra como a construção, em si, atende aos critérios de sustentabilidade, como, por exemplo, elementos de fachada (brises), sistemas de ventilação natural, facilidade de acessos para manutenção, iluminação natural, entre outros.

Empreendimento Sustentável

A qualidade do edifício está relacionada a um bom projeto arquitetônico e a uma execução consciente. Já quanto ao seu funcionamento, é de responsabilidade da parte funcional da edificação, uma vez que o usuário é o grande responsável pelos impactos ambientais decorrentes de sua operação. Desta forma, não adianta nada o edifício ser totalmente sustentável, se as práticas de operação não forem sustentáveis.

Após a etapa de análise inicial é necessário traçar a estratégia ambiental do edifício, hierarquizando quais iniciativas deverão ser postas em prática primeiro, sempre levando em consideração a relação custo x benefício x preservação do meio ambiente. Um exemplo interessante é a instalação de sensores de presença em todos os ambientes do edifício, inclusive com lâmpadas fluorescentes. Neste caso, a análise leva não só em conta o consumo de energia, mas também o impacto ambiental decorrente do descarte das lâmpadas.

Portanto, não existe uma receita pronta para transformar os edifícios existentes em sustentáveis, pois a complexidade de uma construção pode ser muito grande. A receita ideal é utilizar uma metodologia para tornar o edifício sustentável de modo que a reabilitação sustentável possa efetivamente atingir os resultados desejados, contribuindo para a redução da escassez de recursos naturais.

Empreendimento Sustentável

Espero que tenham gostado do post dessa semana!
Até á próxima =)

Kamila Nunes
Reform